29 de nov de 2010

Bom comportamento na web

A popularização da internet trouxe efeitos positivos, como o acesso mais democrático à informação, mas também exigiu a criação de regras de etiqueta e comportamento no mundo digital, que o cidadão deve levar em consideração para não cometer gafes virtuais.



Juan Pratginestos Para desfrutar da liberdade na internet, usuário não pode esquecer o bom senso

 Ao enviar um correio eletrônico

Especifique o assunto da mensagem, pois isso ajuda o destinatário a selecionar os e-mails que deseja ler ou priorizar.

Ao encaminhar um e-mail

Apague as informações sobre outras pessoas que possa haver no cabeçalho e no texto e, se estiver escrevendo para mais de um destinatário, coloque os endereços eletrônicos em cópia oculta.

Não escreva um texto inteiro em letras maiúsculas

Na linguagem da internet, isso significa que você está gritando.

Responda às mensagens sem demora

A pessoa que envia uma mensagem aguarda retorno. Caso esteja sem tempo para escrever o que deseja, envie um texto curto avisando que, assim que possível, irá responder adequadamente.

Não divulgue produtos e serviços que não sejam de interesse ao destinatário

Também não encaminhe muitos e-mails de piadas e assuntos afins, pois isso lota a caixa de entrada das pessoas e faz com que elas percam muito tempo filtrando os e-mails e descartando mensagens superficiais.

Cuidado com os e-mails que recebe

Não execute arquivos nem acesse links enviados por remetentes que não conhece, pois eles podem conter vírus e danificar o computador.

Não redija mensagens muito longas

O destinatário dificilmente terá tempo para ler tudo o que estiver escrito.

Tenha paciência com os novatos

Pessoas que estão começando a mexer na internet cometem erros durante o aprendizado. Não seja impaciente e procure avisá-las sobre algum comportamento errado por e-mail, e não na frente de outras pessoas.

Se você tem filhos

Imponha limites de uso da internet e se informe sempre sobre o que seus filhos veem na rede e quem são seus amigos, pois muitos crimes de pedofilia começam com contatos virtuais.

Replique na internet o comportamento adotado no dia a dia

Manifestações de preconceito, hostilidade e racismo são condenáveis tanto na “vidareal” quanto no mundo virtual. Além disso, não use palavrões e expressões grosseiras só porque não está falando cara a cara com seu interlocutor.


Dicas extraídas do Portal Brasil



Bom comportamento em sociedade

Bom comportamento em sociedadeO respeito ao próximo e o cultivo dos bons hábitos de convivência urbana são as bases para a construção de uma sociedade mais justa e solidária. Atitudes simples, mas que nem sempre são colocadas em práticas por todos os cidadãos, são fundamentais para o convívio saudável nos grandes centros urbanos.

No transporte coletivo, respeite os assentos reservados a idosos, pessoas com deficiência, gestantes e mães com criança de colo. Num ônibus lotado, ceda o lugar a essas pessoas. Não fure filas; isso gera confusões bobas que podem se estender por um longo tempo. Se estiver dirigindo, tenha respeito no trânsito e pratique a direção defensiva (ou direção segura). A maioria dos acidentes é causada por negligência do homem, e não pelo acaso.
Ao ouvir música no carro ou no transporte coletivo, lembre-se de que há também outras pessoas ao redor. Por isso, ouça o rádio num volume razoável e fones de ouvido quando estiver em um ambiente público. Evite barulhos excessivos também dentro de casa, para não incomodar os vizinhos. Se houver problemas, converse educadamente ao invés de iniciar uma discussão.
Uma atitude correta que sempre vale a pena relembrar: jogue o lixo no lixo. A sujeira das ruas entope bueiros, o que provoca enchentes. As enchentes atrapalham o trânsito e causam engarrafamentos. Os engarrafamentos fazem com que muitas pessoas fiquem mal-humoradas, e por aí vai. O ciclo não para. Mas a boa notícia é que as coisas são assim também do jeito inverso: uma boa ação gera outra boa ação, que gera outra, que gera outra... Então, é só começar!

Fonte: Portal Brasil

25 de nov de 2010

AUPEX faz doação de brinquedos

No dia 28 de outubro, Lar João de Paula recebeu uma doação de brinquedos e outros materiais como livros e reciccláveis, oferecida pela AUPEX em parceria com seus alunos que  participaram  da ação trazendo vários brinquedos.

Viagem à Bienal

Nos dias 12, 13 e 14 de novembro, a Professora Rosane P. Schreines juntamente com a turma de Artes viajou a São Paulo para visitar a 29ª BIENAL.

Socialização de Estágio - Pedagogia

Na sexta-feira, dia 19 de novembro, a turma de Pedagogia PED5591 do professor Marcos Hasper fez várias apresentações em sala de aula referentes à Prática de Estágio.

As equipes apresentaram os seguintes temas:

  • Musicalização e Contação de História
  • Crianças e Televisão
  • Internet: pontos positivos e negativos
  • Bullying

AUPEX apóia a Escola Municipal na realização da Feira Afrodescente.


No dia 19 de novembro de 2010, das 7h30 às 11h e das 13h30 às 17h, a Escola Municipal Senador Carlos Gomes de Oliveira, localizada no bairro Aventureiro, realizou a primeira edição da FEIRA AFRODESCENDENTE“Juntos Formamos Um” que apresentou a influência da cultura africana no Brasil.

Na Feira foram expostos trabalhos desenvolvidos com os alunos do 1º ao 9º ano com o objetivo principal de valorizar o negro, sua cultura e seus costumes, conscientizando a comunidade escolar sobre os males que o preconceito racial provoca na sociedade.


UNIASSELVI entre as 10 melhores do Brasil em educação a distância


A Associação Brasileira dos Estudantes de Educação a Distância (ABE-EAD) divulgou recentemente os resultados da segunda pesquisa sobre a qualidade do ensino em cursos de educação a distância, oferecidos por 56 instituições brasileiras. Neste levantamento, 15.012 estudantes foram entrevistados.  O Centro Universitário Leonardo da Vinci (UNIASSELVI) figura em sétimo lugar na classificação geral – com nota 4,65, em uma escala de 1 a 5 – e aparece, entre as maiores do Brasil, na segunda posição.  A pesquisa foi aplicada presencialmente ou por telefone junto aos estudantes, e contou com 40 questões acerca de diversos temas: qualidade do material didático, dos professores e tutores, atendimento, avaliações, aspectos financeiros (preço e sistema de pagamento) e as condições dos polos (locais onde ocorrem os encontros presenciais).

A UNIASSELVI obteve autorização para oferecer cursos de graduação a distância em novembro de 2005. Atualmente está presente em diversos estados do Brasil, através de 48 polos de apoio presencial. O reitor da UNIASSELVI, Prof. Dr. Malcon Anderson Tafner, confere à dedicação da equipe da instituição os resultados obtidos na pesquisa. “Todos os colaboradores da UNIASSELVI estão de parabéns mais uma vez. Figurar entre as melhores do país nos orgulha e enche de responsabilidades”, disse o reitor.
O presidente da ABE-EAD, Ricardo Holz, afirma que a pesquisa foi aplicada “em meio a um forte processo de supervisão junto às instituições que ofertam cursos de graduação a distância por parte do Ministério da Educação”. Para a definicao da amostragem da pesquisa, explica Holz, foi usado o critério de número de alunos matriculados. “Com menos de 10 mil alunos, entrevistamos 5% do total. Com mais de 10 mil alunos entrevistamos 500 alunos”, salienta o presidente.


Avaliação das maiores instituições de EAD do Brasil

 Posição
  Instituição
 Nota geral
 Nota final
 1
  UNINTER                                                              
 4.68
 4
 2
  UNIASSELVI
 4.65
 4
 3
  METODISTA
 4.62
 4
 4
  COC
 4.61
 4
 5
  UNOPAR
 4.52
 4
 6
  ANHANGUERA
 4.31
 4
 7
  UNIUBE
 4.05
 4
 8
  UNISA
 3.98
 4
 9
  UNIP
 3.38
 3
 10
  ESTÁCIO DE SÁ      
 3.12
 3

Fonte: AS MELHORES IES DE EAD DO BRASIL EM 2010. São Paulo: Associação Brasileira de Estudantes de Educação A Distância, 23 nov. 2010.

23 de nov de 2010

Socialização de Prática Educativa na disciplina de Matemática

Educar para o pensar

Turma: MAD 0019
Professor Aparecido Parente

Apresentação 01 - Geometria
A origem do número PI
Cálculo de diâmetro e área de circunferência
Cálculo de diâmetro do cilindro
Cálculo de volume do cubo

Alunos:
Débora R. de Souza
Diogo Mello
Eliane Leitzke Roos
Leila Elias da Silva


Apresentação 02 - Frações Equivalentes
Aluno: Jeferson Prata

Apresentação 03 - Equação Exponencial
Aluna: Helvina Lourdes dos Santos Rodrigues

Confraternização da turma de Administração

Na terça-feira, dia 16, a turma de ADG0037 da Uniasselvi teve como atividade acadêmica a orientação às equipes para o paper da prática, para que os alunos fizessem a estruturação do trabalho sob a orietação da professora Daniela Cristina Martins.
Aproveitando a ocasião, a AUPEX ofereceu à turma um coquetel de confraternização. Confira abaixo a foto da turma e o alto astral de todos.

Socialização de Prática Educativa na disciplina de Artes

GRUPOS APRESENTADOS 2º SEMESTRE
DATA: 17/11 2010 Art 0013
Ariane Krelling- Arte Naïf
Rosane Da Silva- Realismo
Vera R. Mattar- Impressionismo
Geisiely Cristine Pereira- Realismo
Osias
Disciplina: Psicologia Geral e da Educação e Sociologia Geral e da Educação


A socialização do PPR do grupo, teve como tema “Exposição Intinerante de Arte Realista, Impressionista e Naïf nas Escolas Públicas em Joinville”. O objetivo é levar até as crianças do ensino fundamental das escolas municipais e estaduais de Joinville a Arte de cada estilo de arte apresentado na exposição.
Desenvolver nas crianças o domíno da atenção, do pensamento crítico de forma criativa fazendo com que o aluno interaja através de leituras e releituras de uma das obras e estilo de arte escolhido pelo aluno.
Esta exposição foi simulada pelos Acadêmicos de Artes Visuais em sala de aula com a participação do grande grupo de forma que todos puderam participar interagindo na socialização.

Professora Rosane P. Schreiner

Amigo AUPEX

Atenção,

Os alunos que receberam o bônus, AMIGO AUPEX devem passar no departamento financeiro e retirar o vale-camiseta com Euná, até o dia 30 de novembro.

3ª parcela Bolsa de Estudos da Prefeitura

Atenção,

Os alunos bolsistas devem se dirigir ao departamento financeiro  até sexta-feira, dia 26, para assinar a terceira parcela da Bolsa de Estudos da Prefeitura.

Mais informações com Euná
Telefone: 3025 5077  - ramal:207

22 de nov de 2010

AUPEX presente na 2ª Semana da Consciência Negra de Joinville

A Articuladora Pedagógica Patricia Elaine Medeiros representou a AUPEX no evento de entrega de flores no Cemitério do Imigrante, no dia 19 de novembro.  A solenidade que fez parte da programação da 2ª Semana da Consciênica Negra de Joinville,  contou com a presença da Sra. Raquel de Queiroz, representante do Comitê Gestor de Políticas de Promoção de Igualdade Racial de Joinville e do Sr.
Silvestre Ferreira, diretor presidente da Fundação Cultural.

Como fazer seu currículo?

Existem muitas formas de estruturar um currículo e isso vai depender da sua área de atuação, da sua experiência e dos diferenciais que você oferece. De maneira geral, consultores e recrutadores de grandes empresas de RH orientam que um CV não deve ultrapassar duas páginas. Isso porque são milhares de documentos que chegam todos os dias nas mesas desses profissionais. Então a capacidade de síntese, de resumir suas principais qualificações em duas páginas, já passou a ser um critério de seleção.
Procure sempre colocar o título do seu CV de acordo com a vaga que você procura. Então antes de mais nada, informe-se sobre a vaga e veja o que há na sua experiência profissional, acadêmica ou mesmo de estudante que atenda aos pré-requisitos da empresa. Se você foi um excelente gerente de produção de artigos esportivos e a vaga é para uma empresa de construção civil, destaque suas qualidades como gerente experiente com produção e liderança de pessoas. Deixe a questão dos “artigos Esportivos” para o conteúdo do CV. No título você deve sempre se encaixar o máximo possível nas necessidades “daquela” vaga para “aquela” empresa.
Título definido? Lembre-se: o recrutador deverá ler seu título e achar o máximo em no máximo 15 segundos. É ali que o seu currículo pode ir para debaixo da pilha ou entrar na seleção dos “10 mais”! Agora mostre porque a empresa deve contratá-lo em cinco tópicos. Vamos falar das suas Qualificações, aquelas em que você “se garante!” Não se trata de auto-elogio, mas de relatar em alguns tópicos suas principais competências. Por exemplo: liderança de equipe, capacidade de planejamento, especialidade em determinado assunto (mestrado, doutorado, MBA) e assim por diante. É uma sessão do seu currículo mais pessoa, que fala sobre você. Capriche na primeira pessoa. “Sólida experiência em Logística e Suprimentos com 15 anos de atuação na área”.
Já em “Principais realizações” é o segundo filé mignon da sua carreira. Diferente de qualificações, onde você descreve suas competências mais pessoais, em “Principais realizações” você começa a dar pistas de onde, quando e como você se destacou. Cita o nome da empresa, cargo ou função, projetos desenvolvidos. Pense em cinco situações que fizeram a diferença na sua vida profissional. Alcançou ou ultrapassou uma meta incrível na sua área? Descreva. Liderou 40 pessoas em um projeto que mudou o modo de produção da empresa para melhor? Bingo. Descreva com números e índices o que você fez.
Até aqui, você deve ter ocupado toda uma página do seu CV. Agora sim, vamos à Experiência profissional. Deve ser objetiva: nome da empresa, função/cargo, data de inicio e de término. Caprichou? Selecione o suficiente para uma página. Importante: utilize no máximo fonte 12.
Tenha em mente que um currículo nunca é o suficiente. Para cada vaga de seu interesse, faça todos os ajustes necessários, seu marketing profissional a depender da empresa, do setor de negócios, da cultura da organização, faça um novo currículo!

Fonte: http://www.empregoecarreira.com

18 de nov de 2010

PROVA DO ENADE.

Atennção, alunos selecionados

Clique sobre a imagem para saber  informações relacionadas à prova, horário de chegada e material necessário.



O aluno deve preencher eletronicamente o Questionário do Estudante, até o dia 21 de novembro, na página http://www.inep.gov.br

16 de nov de 2010

Empregos: As qualidades dos candidatos desse milênio

Pesquise na internet temas como “primeira entrevista de trabalho”, “comportamento no emprego”, “etiqueta profissional” e expressões similares. Milhões de páginas, com artigos, entrevistas simuladas virão à tona. Alguns textos muito bons, outros trazem regras e fórmulas. Gostaria de propor uma reflexão diferenciada sobre comportamento em entrevistas, dinâmicas, vestuário. Sobre as atitudes que dizem respeito às relações entre candidato e recrutador, funcionário e empresa. Carreira e perspectiva de vida. Essas relações de empregabilidade estão sintonizadas ao nosso tempo.
Nesse sentido, quero citar a obra do escritor italiano Ítalo Calvino, autor de “Seis Propostas para o próximo milênio”, livro que destaca como qualidades imprescindíveis para nossa época a Leveza, a Rapidez, a Exatidão, a Visibilidade e a Multiplicidade. A sexta qualidade, a “Consistência”, não foi concluída devido a seu falecimento. Mas o bacana é que mesmo escrito antes do fenômeno da internet e da globalização, o livro mantém sua força e originalidade. Vejamos como essas propostas se encaixam nesse cenário corporativo.
Recrutadores e candidatos são pessoas. Ainda que em papéis diferentes, são imbuídos de emoções, simpatias, preferências, técnicas e experiências. Por isso mesmo, as circunstâncias da sua entrevista serão únicas. É arriscado fixar tantas regras “seguras” para esse encontro. Se você mantém boas relações pessoais, gosta de sua vida, ou seja, tem “leveza”, dificilmente se sairá mal em uma entrevista. O RH ou o gestor que entrevistará quer saber justamente como você lida com suas próprias competências, sua “multiplicidade”, com seus desejos (pretensão salarial, carreira).
Essa postura equilibrada vai se refletir em todo o processo de seleção. Da entrevista às dinâmicas, de temas como seu emprego anterior até sua pretensão salarial e/ou um possível plano de carreira. Sua “visibilidade” faz parte desse pacote. Para não falhar, usa roupas com bom corte, sem decotes, cores discretas. Sua roupa não pode ser mais importante do que o que você tem a dizer. Nem tão sofisticada ou um tanto despojada. Adequada. Simples assim.
Não se esqueça nunca de uma postura modesta. Seja leve. Agradecer aos elogios de forma discreta é mais do que suficiente. Mostrar disposição em relação aos desafios ou necessidades que a empresa esteja passando é um ponto bastante positivo. Se for sondado para uma função ou atividade em que não tenha muita experiência, destaque sua capacidade de aprendizado acima de tudo. Cite situações como essas vividas no passado em que você superou e teve sucesso. Lembre-se que você contou de uma equipe para isso. Dividir os méritos, além de elegante, é justo na maioria das vezes.
De forma alguma, referir-se à empresa anterior ou superiores de forma negativa. Lembre-se sempre: é o entrevistador quem dá o ritmo da conversa. E aqui vai uma das competências pautadas para o futuro, a arte de escutar. Escutar o chefe, subordinados, fornecedores e clientes. Escutar será uma competência cada vez mais desejada para empresas antenadas com o futuro.
Não seja monossilábico, tampouco prolixo, falando além do necessário. Mostre-se objetivo, alguém que sabe o que quer. Aqui entram duas outras qualidades: “Exatidão” e “Rapidez”. Reflita com antecedência sobre o que quer exatamente desse emprego, o que você sabe dessa empresa e porque lhe parece tão boa oportunidade. Dificilmente você hesitará nessas questões.
Em dinâmicas de grupo, equilibre sempre seu conhecimento com os dos outros participantes. Não seja sempre o primeiro a falar, nem o último. Valorize as idéias dos colegas que você concorda. Se você é obviamente melhor do que a maioria, seja condescendente sem se omitir.
Como se vê, Leveza, Rapidez, Exatidão, Visibilidade e Multiplicidade também estão presentes nas relações de trabalho. Espero ter feito uma pequena homenagem à perspicácia de Calvino. E ter contribuído de alguma forma par quem está nesse momento de transição na carreira.
 
Fonte: http://www.empregoecarreira.com/

Semana da Consciência Negra

 

Começa hoje, em Joinville, a 2ª Semana da Consciência Negra. E a primeira atividade será a entrega da coleção de livros “A África está em nós” para todas as escolas da rede municipal de educação infantil e ensino fundamental. A entrega será às 14 horas, no Colégio Bom Jesus/Ielusc, e inclui palestra para professores com Jeruse Romão, autora do livro “Africanidades Catarinenses”, que integra a coleção. A programação da Semana segue até o dia 27 e contempla uma série de atividades, entre elas a entrega do Manifesto do Povo de Santo à Câmara de Vereadores e a participação do grupo Afoxé na Tribuna Livre da Câmara para falar dos espaços que poderão ser usados pelas religiões de matriz africana. Neste mesmo dia, acontece a segunda edição do Encontro Negras Memórias, para homenagear idosos negros que ajudaram na construção da história de Joinville. Também haverá a entrega solene de flores no monumento aos negros enterrados no Cemitério do Imigrante, no dia 19. Escolas municipais e estaduais estarão apresentando exposições alusivas à Semana, envolvendo várias áreas do conhecimento. A programação inclui ainda exibição de filmes e exposição fotográfica, entre outras atividades.

O espaço simbólico do evento será a Estação da Memória. Neste local, no dia 20 (sábado da próxima semana), serão oferecidas várias atrações culturais, incluindo roda de capoeira, maracatu, chorinho, afoxé, oficina de tranças, roda de samba e desfile de moda africana. A programação foi organizada pelo Comitê Gestor de Promoção à Igualdade Racial da Prefeitura de Joinville e Fundação Cultural, com a participação das entidades do movimento negro: Ilê Axé Iya Omilode/Casa da Vó Joaquina, Grupo de Capoeira Beribazu, Accaia (Associação de Caridade e Culto Afro Abassá de Inkisse Nzazi), Movimento Brasil Nagô, Cufa (Centra Única das Favelas) Joinville, Sociedade Kênia Clube e Instituto Afro-Brasileiro Joinville.

Contato: Raquel de Queiroz – Coordenadora do Comitê Gestor – 3431-3024 e 9994-8609

2ª Semana do Empreendedor Individual


Empreendedores informais de Joinville terão nova oportunidade para fazer o registro no Empreendedor Individual (EI). Devido à grande procura no mês passado, o Sebrae/SC, que tem entre os parceiros a Prefeitura de Joinville, vai realizar, desta terça-feira (16/11) até o dia o próximo sábado (20/11), a 2ª. Semana da Formalização do Empreendedor Individual com serviços gratuitos para as pessoas que trabalham por conta e faturam até R$ 36 mil por ano (média de R$ 3 mil por mês). O objetivo é ampliar o número de formalizados e contribuir para a meta nacional de 1 milhão de registros até dezembro.
O atendimento acontecerá das 8 às 18 horas, na Praça da Bandeira (rua Nove de Março), próximo ao Terminal de ônibus Central. Haverá atendimento do Sebrae, contadores, Prefeitura Municipal, INSS, CAIXA e Casa do Empreendedor, gratuitamente, além de registro no EI pela internet pelo site www.portaldoempreendedor.gov.br. Após preencher os dados no Portal, o empreendedor receberá um documento impresso que comprova a legalidade da empresa.
A Semana da Formalização tem como objetivo fazer o registro no EI garantindo ao empreendedor informal vantagens e benefícios como a obtenção do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) na hora do registro, acesso facilitado ao crédito, além do direito à aposentadoria, auxílio-doença, licença maternidade, e demais direitos previdenciários. Os informais que aderirem ao EI poderão participar de licitações e de compras governamentais, entre outras vantagens, pagando uma única taxa no valor de até R$ 62,10. O Empreendedor Individual ficará isento dos tributos federais (PIS, Cofins, IPI e CSLL). Entre as ocupações estão atendidas pelo EI estão incluídos feirantes, artesãos, borracheiros, cabeleireiras, doceiras, manicures, encanadores, pedreiros, taxistas e costureiras. Ao todo, são mais de 400 ocupações cadastradas como Empreendedor Individual.
Em Santa Catarina, a meta do Sebrae/SC é formalizar 25 mil empreendedores até o final do ano. Mais de 23 mil empreendedores do comércio, serviços e indústria já se registraram no Estado. No Brasil, já são mais de 500 mil cadastros. O coordenador do Sebrae em Joinville, Jaime Arcino Dias Junior, explica que o Empreendedor Individual visa oportunizar aos empreendedores e trabalhadores atuar em atividade formal, ter direito aos benefícios previdenciários e acesso ao crédito. Por isso ele acredita que é preciso ampliar a informação e a sensibilização sobre o assunto. “Essa mobilização chamará muita atenção e a tendência é que ela continue repercutindo e resultando em novas formalizações”.

SERVIÇO:

* O que: 2ª Semana da Formalização no Empreendedor Individual – atendimento individual do Sebrae/SC, Prefeitura Municipal, contadores, agentes de crédito e registro gratuito no EI.
* Quando: de 16 a 20 de novembro, das 8 às 18h.
* Onde: Praça da Bandeira, centro Joinville, próximo ao Terminal de ônibus central.

Mais informações – Sebrae Joinville – (47) 3433-4654 ou 0800-570-0800

Fonte: http://www.nossajoinville.com.br

11 de nov de 2010

Dia Internacional da Ópera

Que tal ser surpreendido desta forma enquanto saboreia um café?



Atuação surpresa do Coro "Premier Ensemble" de AGAO no Café Iruña de Pamplona, 7 de maio de 2010.
Celebração do "Dia Europeu da Ópera"

72ª Festa das Flores

A tradicional exposição de flores, somada a diversas atrações especiais, como apresentações culturais e de lazer, gastronomia típica e eventos especiais fazem da festa das flores de Joinville um evento inesquecível. Com entrada franca, a festa recebe entre os dias 12 a 16 de Novembro de 2010, centenas de milhares de visitantes, entre eles famílias e excursões de todo Brasil e do exterior. 

PROGRAMAÇÃO CULTURAL

Dia 11/11 (quinta) acontece a abertura da 72ª Festa das Flores, às 19h, no Complexo Expoville, com a Camerata Dona Francisca.  O fundador de O Boticário, Miguel Krigsner, patrono da 72ª Festa das Flores de Joinville, receberá uma homenagem na cerimônia de abertura. Depois, de 12 a 16 de novembro, a Festa as Flores tem diversas atrações culturais, todos os dias, das 9h às 22h, com entrada franca nos pavilhões.

Dia 12 (sexta) o destaque fica por conta da final do concurso para Rainha da 72ª Festa das Flores. São treze candidatas, representantes das secretarias regionais de Joinville, disputando o título.

Dia 13 (sábado) o destaque fica por conta do show nacional. Além disso, haverá a premiação do X Concurso de Bonsai.

Dia 14 (domingo) a Festa das Flores tem a delicadeza do balé com Jurei pro amor um dia te encontrar, da Cia Jovem da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, às 19h, com apresentações de dança clássica e contemporânea.

No dia 15 (segunda) a banda de rock joinvilense Reino Fungi invade a Festa das Flores com uma sonoridade influenciada pelos anos 60, como o rock britânico dos Beatles, Kinks, The Who, Hollies, e a jovem guarda (Roberto Carlos, Renato e Seus Blue Caps).

Dia 16 (terça), acontece a entrega da premiação do Concurso de Jardins e das Flores Campeãs.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA
 
Dia 11- quinta – Feira
19h30 – SOLENIDADE DE ABERTURA com CAMERATA DONA FRANCISCA
12 de novembro – sexta-feira
9h às 17h – Lançamento do Gibi Menino Caranguejo (com distribuição gratuita de exemplares)
9h30 às 11h – Apresentações do Projeto Dançando na Escola
12h – ALMOÇO MUSICAL com Grupo de Choro
14h às 17h – Apresentações do Projeto Dançando na Escola
18h – HORA DA DANÇA com Casa do Hip Hop Arte Inclusiva CHAAI e convidados
19h – Concurso da Rainha da 72ª Festa das Flores
Atrações: Grupo de Choro Orelha de Cobra com Rafaela Ventz, Grupo de Maracatu Joinville e Banda Núcleo Sul
13 de novembro – sábado
10h às 12h – HORA DO TEATRO
Atrações:
Casa Teatral com “Histórias de Parquinho”
Cia Rústico Teatral com “Histórias de Malasarte, um malandro de coração”
12h – ALMOÇO MUSICAL com Os Regionalistas
14h – HORA DO CORAL com Cavalieri Cantanti
15h – DANÇANDO COM A 3ª IDADE
Atração: Grupo Folclórico Santa Luccia
18h – Tambores Japoneses TAIKO
19h – SHOW
Abertura com Banda Smokers e Banda Dona Chica
14 de novembro – domingo
10h30 – Concerto Matinal – Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville
12h – ALMOÇO MUSICAL com Álvaro e Magrão
14h – HORA DO CORAL com Babado de Saia
15h – DANÇANDO COM A 3ª IDADE
Atração: Trio Paixão Sertaneja
19h – CIA JOVEM DA ESCOLA DO TEATRO BOLSHOI NO BRASIL
Espetáculo: Jurei pro amor um dia te encontrar
20h – SHOW ESPECIAL com Banda Nega Fulô (Curitiba – PR)
15 de novembro – segunda-feira
10h – CULTURA ALEMÃ
Atrações: Grupos Adulto e Juvenil de Danças Folclóricas
Coral da SOCIEDADE LÍRICA DE JOINVILLE
12h – ALMOÇO MUSICAL com Projeto Noel: Com que roupa?
14h – DANÇA DE SALÃO
Atração: Aula-show com Grupo do Estúdio de Dança Dois pra lá, Dois pra Cá
15h – DANÇANDO COM A 3ª IDADE
Atração: Baile Show com Lily Blumerants
17h – HORA DA DANÇA com Cheers Leaders, Maniacs Crew, Kaos Crew e Grupo de Dança do Colégio Machado de Assis
18h30 – GRUPO FOLCLÓRICO JOINVILENSE BOI DE MAMÃO
19h – Show com Banda Sultana
20h – SHOW ESPECIAL com Banda Reino Fungi
16 de novembro – terça-feira
9h às 11h – Apresentações do Projeto Dançando na Escola
12h – ALMOÇO MUSICAL com Paulão e Trio
14h – Apresentação especial ESCOLA MUNICIPAL DE BALLET
15h – DANÇANDO COM A 3ª IDADE
Atração: Free Band
18h – Premiação Concurso de Jardins (Conurb), Premiação Orquídeas Campeãs (AJAO) e   Encerramento Oficial
19h – Free Band
EVENTOS PARALELOS
Dia 12 – 9h – 6º CAFÉ FLOR E POESIA
Local: Escola Municipal Hermann Muller – Estrada Palmeira, s/n, Rio Bonito Pirabeiraba (3464-1395)
Inauguração do Jardim encantado com o orquidário e presença da Poetisa Roseana Murray (do Rio de Janeiro, com mais de 50 livros de poesia lançados)

Dia 12 – 14h – 1º Seminário Jardim Poético da Educação de Joinville
Local: Midas Armazém Cultural – Rua Dr. João Colin, 475 – Centro
Joinville – SC (Biblioteca Pública  e-mail: biblioteca@joinville.sc.gov.br)
9º Festival Brasileiro de Hemerocallis – Outubro de 2010 a Fevereiro de 2011, AGRÍCOLA DA ILHA.
Agrícola da Ilha
R. Tenente Antônio João, 4257
Sala B – Bom Retiro CEP 89223-100
FONES: (47) 3473- 0628
*programação sujeita à alteração
ATRAÇÕES DE 11 a 16/11
· 2ª Exposição Internacional de Orquídeas
· 5ª Feira Jardim, Casa e Lazer
· Exposição de Flores
· Mercado de Flores e Plantas
· Exposição “Biodiversidade em Santa Catarina”
· Praça Gastronômica
· Praça do Lazer
· Shows e apresentações culturais
· 11 e 12 – Palestras sobre cultivo de plantas ornamentais

· 13 e 14 – X Encontro de Bonsai da ANCB – Comemorações dos 10 anos com palestras e oficinas de cultivo;

· 15 e 16 – Palestras sobre cultivo de orquídeas

Desafios contemporâneos – a educação – Viviane Mosé

A filósofa e professora Viviane Mosé, fala sobre a escola fragmentada, dividida em disciplinas e grades curriculares, e distante da vida dos professores e alunos, e que, ao mesmo tempo, se depara a cada dia, com um mundo que faz perguntas cada vez mais globais e urgentes, como a necessidade de considerar o todo, o planeta, a cidade.  Quais os desafios da educação no mundo contemporâneo?


Clique sobre a imagem para assistir ao vídeo.

Cursos para Coordenadores e Avalição Institucional

A CONSAE, a EDITAU e a Carta Consulta, realizarão em Belo Horizonte, no mês de novembro, dois cursos de extrema importância para o setor educacional.

O curso da CONSAE será realizado nos dias 17, 18 e 19 (quarta, quinta e sexta feira da próxima semana), sendo o primeiro Curso sobre Controle e Registro Acadêmico voltado para Coordenadores de Cursos. Mais informações sobre esse curso acesse www.consae.com.br

O curso da EDITAU/Carta Consulta será realizado nos dias 22 e 23 (segunda e terça feira da semana subsequente) e será sobre Avaliação Institucional, abordando as novas exigências e os novos instrumentos de avaliação. Mais informações sobre esse curso acesse www.editau.com.br

9 de nov de 2010

Arquivo Público do Estado lança site sobre a História da Educação em SP

O Código de Instrução Pública da Província de São Paulo do ano de 1857 determinava, para a instrução média de um aluno, o ensino “mais desenvolvido” da leitura, escrita, moral, religião, gramática, aritmética e do sistema de pesos e medidas da Província. E ainda: era preciso aprender noções elementares de Geografia Universal, História Universal e Língua Francesa. O ensino de Física e História Natural limitava-se às escolas para rapazes, enquanto nas escolas para moças ensinavam-se noções de Música e exercícios de Canto. Geometria, Agrimesura e Nivelamento, Desenho Linear e “Exercícios Ginásticos” também constavam do currículo escolar da época.
Essas e outras informações sobre a História da Educação no Brasil podem ser obtidas na nova página temática que acaba de ser lançada no site do Arquivo Público do Estado de São Paulo: Memória da Educação (www.arquivoestado.sp.gov.br/educacao). A reunião de dados estatísticos, instruções pedagógicas, revistas e trabalhos escolares permite acompanhar o desenvolvimento de métodos pedagógicos e as mudanças na educação pública brasileira desde meados do século XIX.
Estudantes, pesquisadores e interessados em História e Educação podem consultar documentos públicos sobre o assunto, tais como relatórios produzidos pelas Delegacias Regionais de Ensino do Estado de São Paulo entre os anos de 1852 e 1943 e Anuários do Ensino do Estado de São Paulo, que trazem um diagnóstico da realidade escolar do Estado no início do século XX.
Destaque também para publicações de época, que foram digitalizadas na íntegra e que agora também estão na internet: Vinte anos de propaganda contra o emprego da palmatória e outros meios aviltantes no ensino da mocidade, de 1880, escrito por Abílio César Borges, o Barão de Macaúbas e a Revista Escolar, editada entre os anos de 1925 e 1927 pela Diretoria Geral da Instrução Pública com o objetivo de “contribuir para o aperfeiçoamento do ensino público paulista”. Publicada mensalmente, a Revista Escolar apresentava modelos de lições e materiais para uso dos professores.
O site Memória da Educação oferece também inúmeras fotografias de atividades pedagógicas e de escolas na capital e no interior no Estado, como Bauru, Itapetininga, Jundiaí, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, Taubaté, entre outras.
Toda a documentação citada faz parte do acervo do Arquivo Público do Estado de São Paulo. O site será atualizado periodicamente, com a inclusão de mais documentos sobre a História da Educação. Completam a página alguns artigos publicados pelo o Arquivo Público sobre o tema.

Acesse: www.arquivoestado.sp.gov.br/educacao
 


 Fonte: Núcleo de Comunicação do Arquivo Público do Estado de São Paulo

A pergunta certa na escolha da formação

Folha de São Paulo, 09/11/2010 - São Paulo SP

Nos chamados bacharelados interdisciplinares, os alunos escolhem 50% de sua grade curricular, adquirindo o hábito de busca pelo conhecimento.

HELIO WALDMAN e ARMANDO ZEFERINO MILIONI

De acordo com o documento n.º 63 do Observatório Universitário, menos de 30% dos brasileiros graduados em um curso superior em comunicação trabalham na área em que se formaram. Esse mesmo percentual é de 33% para os engenheiros e de cerca de 50% para advogados, administradores e pedagogos. Muitos educadores atribuem os números acima em parte à visão de que a educação superior existe apenas ou principalmente para oferecer formação profissional específica. Essa visão atrasada é a mãe da exigência da escolha a que nossos jovens se veem obrigados assim que chegam ao ensino médio e começam a pensar no vestibular. Não é surpreendente que, mais tarde, muitos busquem atividades em áreas distintas daquelas em que se formaram. Há alguns anos, contudo, surgiu uma nova abordagem pedagógica para essas questões. São os chamados bacharelados interdisciplinares (BIs), iniciados na Universidade Federal do ABC e hoje oferecidos em diversas universidades, entre elas na Universidade Federal de São Paulo, que oferecerá um BI em ciência e tecnologia a partir de 2011. Focados em uma grande área do conhecimento, os BIs se propõem a ensinar os fundamentos de várias áreas do saber, relacionando-as entre si. O bacharel em ciência e tecnologia terá sólidos conhecimentos nas ciências básicas, aliados a uma formação humanística.

Um valor fundamental dos BIs é que, neles, o aluno é responsável pela escolha de 50% da sua grade curricular, adquirindo na universidade o hábito da busca pelo conhecimento e conquistando uma autonomia que deverá usar ao longo de toda a vida. A capacidade de adquirir conhecimento novo com autonomia, aliás, parece ser a chave da habilitação profissional no século 21, e esse é o propósito dos BIs. O curso é concebido para durar três anos, ao término dos quais o aluno recebe um diploma pleno de educação superior. De posse dele, poderá escolher uma de diversas trajetórias, que incluem a pós-graduação, para aqueles com forte vocação científica, a conclusão de um curso de formação específica ou, ainda, rumar diretamente para o mercado de trabalho. Quanto à última alternativa, recém-apresentados ao assunto costumam demonstrar estranheza. Não raro, a pergunta que fazem é: "Mas, sem uma formação específica, em que irá trabalhar alguém que concluiu um BI"?


A pergunta não parece adequada. Afinal, os dados acima mostram que o mercado de trabalho brasileiro oferece oportunidades profissionais suficientes para abrigar mais de 70% dos graduados em comunicação, 67% dos engenheiros e 50% dos advogados, administradores e pedagogos que trabalham em áreas distintas daquelas em que se formaram. São milhões de pessoas. Será que eles não fariam melhor o que fazem hoje se, em vez de um pacote de conhecimentos específicos que não empregam, tivessem recebido na universidade os estímulos necessários para adquirir autonomia na aquisição de conhecimento, por meio de um curso mais plural, mais abrangente e com maior probabilidade de ser concluído, como são os BIs? Essa parece ser a pergunta certa. HELIO WALDMAN, 67, engenheiro eletrônico formado pelo ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), é reitor da Universidade Federal do ABC. Foi professor titular e pró-reitor de pesquisa da Unicamp. ARMANDO ZEFERINO MILIONI , 54, é diretor acadêmico da Unifesp de São José dos Campos e professor do ITA, pelo qual se formou engenheiro mecânico aeronáutico. Foi vice-reitor da Universidade Federal do ABC.

4 de nov de 2010

Formação continuada

Mais um encontro de formação continuada reuniu os professores da AUPEX no dia 30 de outubro. A palestra proferida pelo professor Gilmar da Silva Ferreira abordou o tema " Pilares Fundamentais para uma oratória/docência eficaz e eficiente".

Confira abaixo fotos do evento:

Feirão do Emprego irá oferecer mais de 3 mil vagas


A Prefeitura, por meio da Secretaria de Integração e Desenvolvimento Econômico, está apoiando o Feirão do Emprego, que será realizado pela ABRH Joinville, no dia 6 de novembro, no Centro de Exposições Alfredo Salfer, no Centreventos Cau Hansen, das 8h30 às 16 horas.

O Feirão do Emprego é um evento gratuito destinado a quem está procurando uma vaga ou recolocação no mercado de trabalho. O objetivo é divulgar oportunidades de emprego de diversas empresas, em um único lugar e para toda a cidade.

Na primeira edição do Feirão do Emprego, vão participar empresas do setor de RH, indústrias, comércio e serviços. Serão ofertadas mais de 3.000 vagas em diversas áreas.

O candidato deverá comparecer munido dos seguintes documentos: carteira de trabalho, RG, CPF e comprovante de residência, e, se possível, também com a ficha/currículo preenchido. Todos serão atendidos e terão acesso às vagas anunciadas nos estandes.


Serviço:

* O quê: Feirão do Emprego
* Quando: 6 de novembro, das 8h30 às 16 horas
* Quanto: Gratuito
* Onde: Centro de Exposições Alfredo Salfer - Centreventos Cau Hansen

Mais informações:

Sheila | ABRH Joinville
Telefone: (47) 3461.3369 ou 9935.5849
E-mail: abrhjoinville@acij.com.br


Fonte: http://www.joinville.sc.gov.br/

Palestra sobre Gerência na Sala de Aula

Aconteceu no dia 03/11, às 19h, na sala de aula do curso de Ciências Biológicas da  Aupex,  a paletra "Gerência de sala de aula - como fazer os alunos ficarem concentrados nas atividades sem interrupções o máximo possível”.
 
Uma Gerência de Sala de Aula eficiente envolve consistência e excelente preparo para ir de acordo com as necessidades de cada aluno. Gerará aulas organizadas e interessantes, e que envolvam os alunos em atividades desafiadoras. Ao minimizar problemas de comportamento, permite ao professor promover um maior aprendizado pedagógico e social. Este tipo de gerência consiste em tudo o que o professor faz para levar seus alunos a aprender o máximo possível; começando pelo preparo físico da sala como organização das carteiras e de visuais como pôsteres e cartazes, e indo até a diferenciação pedagógica como exercícios nivelados e material especial para um tempo livre inesperado. Também envolve ter procedimentos para atividades cotidianas e compartilhar com os alunos o que se espera deles tanto no processo de aprendizado como no comportamento. Desta forma, evitando que na dúvida, eles façam o que acham interessante, opinião que normalmente não é compartilhada pelo professor. Mesmo que diferenças culturais existam dentro de cada escola, e mesmo de cada sala, é responsabilidade do professor fazer com que os alunos aprendam. Uma boa gerência de sala é uma ferramenta crucial para que isto ocorra de forma calma e prazerosa.

3 de nov de 2010

Kit de livros infantis de graça

 
O banco Itaú está distribuindo gratuitamente através do site http://www.lerfazcrescer.com.br/#/itau_crianca um kit de livros de literatura infantil gratuitamente. A  ação tem como objetivo estimular a leitura para crianças de até seis anos.
A coleção Itaú de livros infantis é feita de quatro livros e para receber seu kit em casa basta preencher o cadastro no site. São oito milhões de livros distribuídos gratuitamente para todo o país.

ENADE 2010

ENADE 2010 – LOCAIS DE PROVA 

O Inep divulgará os locais de aplicação das provas do Enade 2010 a partir de 5 de novembro de 2010.
A divulgação ocorrerá por meio das páginas eletrônicas http://www.inep.gov.br  (consulta pública) e http://enade.inep.gov.br (restrita ao ambiente institucional).

1º Seminário - A controvérsia EVOLUCIONISMO x CRIACIONISMO




Acontece nos dias 05,06 e 07/11 no Auditório do SESI –UNIVILLE1º Seminário - A controvérsia EVOLUCIONISMO x CRIACIONISMO. 

Inscrições: WWW.acontroversia.com.br – . Entrada: 1 kg de alimento.